Colunistas

< voltar
CIÊNCIA EM MINAS Redação
15/Dec/2020 - 08h46

Pesquisa do programa de pós graduação em Farmácia da UFSJ conquista prêmio nacional

Premiação foi concedida em outubro, durante cerimônia virtual


Por CIÊNCIA EM MINAS
Crédito: Ministério da Saúde 

A aluna Luanna Gabriella Resende da Silva, mestre pelo do Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas da UFSJ (PPGCF), autora da pesquisa Protocolo de desprescrição de clonazepam em idosos, conquistou o primeiro lugar no V Congresso da Associação Brasileira de Ciências Farmacêuticas, realizado virtualmente em outubro.

A pesquisa, orientada pelo professor André de Oliveira Baldoni (CCO), avaliou a aplicabilidade de protocolo desenvolvido para a redução da polifarmácia em idosos, de um medicamento com propriedades sedativa, hipnótica, ansiolítica, miorrelaxante e antiepiléptica, ou seja, um “anestésico psicológico”, como escreve Luanna Resende em sua dissertação.

A desprescrição é um termo novo, definida como o processo planejado e supervisionado de redução de dose ou de interrupção no uso do medicamento que pode causar danos ou minimizar benefícios, se utilizado a longo prazo. Os dados da pesquisa premiada foram coletados nos serviços de atenção primária à saúde dos municípios de Divinópolis e Itaúna (MG), em 2018 e 2019. Ao final desse tempo, 81,5% dos pacientes conseguiram reduzir parcial ou totalmente o uso do medicamento.

Para a pesquisadora, foi uma experiência nova e gratificante.“Uma alegria muito grande para toda a equipe de pesquisa a notícia da premiação, visto que estávamos concorrendo com trabalhos conduzidos por profissionais e estudantes do Brasil todo”, avalia Luanna.

Saiba mais no site da UFSJ.

 

Fonte: https://www.ufsj.edu.br/noticias_ler.php?codigo_noticia=8387 

#UFSJFavoritar

Sobre o autor
CIÊNCIA EM MINAS Redação

Ciência em Minas é um projeto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de Minas Gerais - SEDE MG - e tem como objetivo divulgar resultados de pesquisa e soluções desenvolvidas em universidades e ICT's mineiras.

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.