Eventos

< voltar

COMO INOVAR NA ARTE ATRAVÉS DA TECNOLOGIA

COMO INOVAR NA ARTE ATRAVÉS DA TECNOLOGIA
Arte e tecnologia se complementam e se transformam. Para essa dupla, nem o céu é o limite. Aproveitando a efervescência criativa proporcionada por esta fusão, iremos falar de inovação, arte e empreendedorismo no dia 26 de setembro, a partir das 19h.

#Arte#empreendedorismo#evento#tecnologia

Data
Local
26/Set/2018 19h00 Exportar para sua Agenda
Avenida Bias Fortes, 50, Lourdes Belo Horizonte, MG
Belo Horizonte/MG

Programação

A participação é gratuita!

Confira a programação:

19h00 - 19h45: Palestra de abertura: Inovação, Empreendedorismo e Cultura Empreendedora

19h45 - 20h15: Palestra sobre como inovar na arte através da tecnologia e desafios de se empreender no setor

20h15 - 20h45: Performance artística dos convidados

20h45 - 21h00: Interação com o público

21h00 - 21h15: Encerramento

Artistas convidados:

Sandro Miccoli
Sandro Miccoli é um creative technologist baseado em Belo Horizonte. Especialista em novas tecnologias, trabalha no estúdio Abstracto criando instalações interativas e experiências imersivas. Atua como professor de programação e robótica, e também como supervisor de tecnologia criativa na escola Maple Bear. Já participou de festivais em diversos países como International Conference on Live Coding (Morelia, México), Amsterdam Light Festival (Amsterdam, Holanda), Festival Internacional de Linguagem Eletrônica (São Paulo), AnimaFest (Zagreb, Croácia), Festival de Arte Digital (Belo Horizonte) e Reconvexo (Cachoeira/São Félix).

www.sandromiccoli.com | www.abstracto.com.br

Henrique Roscoe
Henrique Roscoe é artista audiovisual, músico e curador. Graduado em Comunicação Social (UFMG) e Engenharia Eletrônica PUC/MG), possui Especialização em Designe Cultura (FUMEC) e atualmente é Mestrando em Poéticas Tecnológicas, pela Escola de Belas Artes da UFMG. É professor do curso de Cinema de Animação e Arte Digital da Escola de Belas Artes da UFMG.

Trabalha na área audiovisual desde 2004, explorando caminhos da arte generativa e visual music; investigando as relações entre som, imagem e narrativas abstratas simbólicas. Com o projeto audiovisual conceitual e generativo HOL se apresentou nos principais festivais de imagens ao vivo no Brasil como Sónar, FILE, ON_OFF, Live Cinema, Multiplicidade, FAD e também no exterior, na Inglaterra (NIME, ICLI, Encounters), Alemanha (Rencontres Internationales, Spektrum), França (Bains Numériques), Polônia (WRO Biennale), Escócia (Sonica), EUA (Gameplay), Grécia (AVAF), Itália (LPM e roBOt), México (Transitiomx) entre outros.

Trabalha com curadoria em arte digital, tendo participado de eventos como FAD - Festival de Arte Digital, Visualismo, Festa das Luzes e Festival Marte. Desenvolve instalações interativas, programando em max/msp e vvvv e cria instrumentos e interfaces interativas usando sensores e objetos do cotidiano. Produz video-cenários para bandas como Earth Wind and Fire, Skank, Roberto Carlos e eventos no Brasil, Alemanha e Estados Unidos. Como VJ participou dos festivais Skol Beats, Creamfields, Nokia Trends, Motomix, Eletronika, entre outros.

http://www.1mpar.com 

Gustavo Brunoro
Gustavo Brunoro é um desenvolvedor de software, produtor musical e artista digital de Belo Horizonte. Se interessa pela reinvenção das formas de expressão humana através da interação com a máquina e pelos impactos da saturação de informação na sociedade. No campo da tecnologia, atou nas indústrias de jogos e e-sports e é participante ativo de comunidades de software livre. Desenvolve trabalhos audiovisuais na fronteira entre a música generativa e o glitch art, incluindo instalações interativas e performances de live coding musical. Lança música eletrônica sob o nome de beise desde 2015.

http://hitnail.net 
http://beise.bandcamp.com 
http://github.com/brunoro  



Como Chegar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.