Notícias

< voltar
14/Dez/2017 - 15:34 - Atualizado em 10/Mai/2018 - 15:32

Empresa do BH-TEC permite que educador físico acompanhe seus alunos à distância

Treinus pretende tornar mais viável e acessível o exercício físico acompanhado por um profissional


Por Redação
Crédito: Pixabay

Já faz um tempo que a tecnologia tem sido uma grande aliada da prática esportiva, principalmente na melhoria da performance dos atletas. Calçados e roupas que colaboram para a melhoria do desempenho. Equipamentos que avaliam a atuação em tempo real. Instrumentos de realidade virtual que possibilitam a simulação de diversos ambientes. No mundo dos atletas de alto rendimento, Ciência e Tecnologia já são requisitos básicos para definir quem sobe ou não ao pódio.


Esse diálogo entre tecnologia e esporte, porém, não se restringe ao atletas profissionais. Pessoas que se exercitam apenas por prazer ou por questões de saúde já encontram soluções em tecnologia para o exercício com qualidade.

Criada em 2011, a Treinus surgiu para tornar mais viável e acessível o exercício físico acompanhado por um profissional. A plataforma que conta com mais de 80 mil usuários, permite que um educador físico acompanhe seus alunos à distância e de forma eficiente. Por meio delas, é possível organizar as planilhas de treinamento, anotar os desempenhos de cada um e até emitir boletos de pagamento.

Os usuários da plataforma são, na maioria, atletas profissionais ou antigos sedentários que iniciaram trabalho de treinamento. Segundo o criador da empresa, Gutenberg Dias, o uso pode ser misto, combinando encontros presenciais e à distância. “O professor recebe o desempenho do atleta a cada quilômetro percorrido, o ritmo, a quantidade de calorias gastas, a potência desenvolvida. Isso alimenta o treinador com uma série de informações, e assim ele consegue prescrever a melhor combinação de exercícios para aquela pessoa”, explica.

Diferentemente de aplicativos que sugerem treinamentos sem nenhuma prescrição, a plataforma da Treinus é uma forma de utilizar a tecnologia a favor do trabalho do coaching, explica Dias. “Defendemos que só um profissional tem condições de formular um treino adequado ao perfil de cada pessoa”, destaca. Com um crescimento antual de 40%,a empresa acredita que a massificação do uso da plataforma é um meio para incentivar a população brasileira a praticar atividades físicas com mais regularidade.

Quer saber mais sobre a Treinus? Clique aqui.

Quase metade dos brasileiros não pratica atividade física

Segundo dados divulgados pelo Ministério do Esporte em 2015, quase metade dos brasileiros entre 14 e 71 anos (aproximadamente 67 milhões de pessoas) não pratica nenhum tipo de atividade física. Entre as mulheres, o índice de sedentarismo é maior do que o dos homens: 50,4% contra 41,2%. A Organização Mundial de Saúde (OMS) considera ativo quem pratica atividade física, com duração mínima de 30 minutos, pelo menos três vezes por semana.

#tecnologia#bhtec#esportes#treinus#desempenhoFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.