Notícias

< voltar
28/Mar/2018 - 09:00 - Atualizado em 27/Mar/2018 - 22:13

Entidades criam ecossistema de empreendedorismo e inovação em Viçosa

Grupo visa promover a interação entre os atores ligados à inovação e criar estratégias de desenvolvimento local


Por Redação
Crédito: UFV/Divulgação

Com o objetivo de fortalecer a cultura empreendedora de Viçosa e região, instituições ligadas ao ambiente de inovação se uniram e criaram o ecossistema de empreendedorismo e inovação. O grupo é formado por entidades como a Universidade Federal de Viçosa (UFV), a Casa do Empresário, o Sebrae, a Univiçosa, entre outras, e visa promover a interação entre os atores ligados à inovação para que, juntos, possam criar estratégias de desenvolvimento local.

Para isso, foi construída uma agenda de inovação integrada, que, no caso de Viçosa, vem sendo delineada por meio de reuniões mensais. A última aconteceu no dia 16 de março, na sede do Sebrae. A principal pauta do encontro foi a definição de uma programação para a Semana de Empreendedorismo e Inovação, o primeiro evento integrado resultante do Ecossistema de Viçosa, que acontecerá em agosto.

O analista técnico do Sebrae, Galvão Emerick, destaca a importância do grupo para a transferência de tecnologia. “Quando se tem uma cidade como Viçosa, onde há geração de conhecimento por meio das universidades e interação com empresas, é necessário que haja um intercâmbio de ideias”, comenta.

Natália Ferreira, coordenadora da Incubadora de Empresas de Base Tecnológica (IEBT) do Centro Tecnológico de Desenvolvimento Regional de Viçosa (CenTev), lembra que um dos objetivos do centro e de suas unidades é transformar Viçosa não só em um polo de educação, mas também de inovação e empreendedorismo. “Através da cultura empreendedora podemos gerar mais negócios advindos da própria Universidade, onde há muitas tecnologias e pesquisas com grande potencial que, às vezes, ficam sem destino”, explica Ferreira.

O presidente da Casa do Empresário, Paulo Márcio de Freitas, explica que juntar empresas, instituições e setores envolvidos com empreendedorismo e inovação vai unir forças e complementar as atividades das entidades. Além disso, Freitas afirma que a Semana de Empreendedorismo e Inovação unirá eventos pensados conjuntamente que “farão a cidade parar para respirar inovação”.

Com essa união de esforços, Paulo Márcio pretende ver realizado seu desejo de que haja em Viçosa mais indústrias limpas, gerando divisas e maior número de empregos dentro de um modelo sustentável.

#inovação#centevFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.