Notícias

< voltar
12/Nov/2016 - 20:00 - Atualizado em 10/Mai/2018 - 15:47

Feira de Startups movimenta investimentos na Arena de Negócios Codemig

Startups de alguns programas de pré-aceleração e aceleração como Lemonade, Seed, Bio Startup Lab e BloombTech participaram das negociações


Por Alysson Lisboa/SIMI
Vários negócios foram fechados durante a FINIT
Crédito: Gabriel Maciel/Sedectes

Mesas-redondas e uma vitrine de soluções para empresas. Assim foi a Feira de Startups que aconteceu no sábado, na Arena de Negócios Codemig. Startups de alguns programas de pré-aceleração e aceleração como Lemonade, Seed, Bio Startup Lab e BloombTech participaram das negociações. Uma delas, a Bluelux, acelerada na segunda rodada do Seed e hoje, mais madura, já começou a colher frutos.

A empresa desenvolve soluções para controle de iluminação de residências e prédios comerciais a partir da internet das coisas (IoT). Vinícius Loureiro e Wellington Júnior reconhecem que o programa ajudou muito na validação da ideia. “Saímos mais maduros e, assim, conseguimos crescer”, acrescenta Wellington. Para avançar, eles conseguiram desenvolver o primeiro lote de produtos com crowdfunding (financiamento coletivo) e arrecadaram quase R$ 30 mil.

Evento atraiu investidores

Ramon Azevedo, diretor da Fundepar, reconheceu a qualidade da feira de startups. Para ele, o evento proporcionou o encontro de todos os envolvidos no ecossistema. A Fundepar assinou, durante o evento, investimento (seed) na Logpyx, startup acelerada no Seed. “Estamos conversando muito com as empresas da terceira rodada do Seed”, completa Ramon.

Outro investidor que veio diretamente do Recife para participar do evento foi Erick de Albuquerque, diretor-executivo da A&C Holding. Para ele, o ecossistema mineiro tem chamado a atenção de empresas e investidores de todo país e um evento como a Finit demonstra isso.

#startups#negócios#investimentosFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.