Notícias

< voltar
15/Set/2016 - 00:00 - Atualizado em 10/Mai/2018 - 16:50

Fórum Técnico da ALMG começará com análise de 15 propostas sobre startups

Documento que será levado aos encontros no interior do Estado já foi aprovado pelos organizadores do evento


Por Redação
O objetivo do fórum é colher subsídios para criar uma política estadual de incentivo de startups

Foto: Guilherme Bergamini/ALMG

Os organizadores do Fórum Técnico Startups em Minas: A construção de uma nova política, definiram, na última terça, dia 13, o formato do evento no interior do Estado e aprovaram o documento com 15 propostas iniciais, que serão analisadas pelos participantes nos grupos de trabalho.

O objetivo do fórum, organizado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) e parceiros da sociedade civil e do poder público, é colher subsídios para criar uma política estadual de estímulo, incentivo e promoção do desenvolvimento local de startups.

Temáticas

A temática do fórum foi dividida em três partes para facilitar as discussões e coleta de sugestões da população: startups, empreendedorismo e inovação; conceitos, cultura e atores; Startups, políticas e desburocratização; Startups, investimentos e incentivos.

O documento de cada grupo contém algumas perguntas para estimular o debate, além de cinco propostas que devem ser votadas pelos integrantes. Elas poderão ser aprovadas, rejeitadas ou complementadas, a critério do grupo. Haverá, ainda, a possibilidade de apresentação de cinco novas propostas em cada município.

De acordo com um dos documentos produzidos pela comissão organizadora, o termo startup se popularizou há cerca de duas décadas, para designar empresas de pequeno porte, do setor tecnológico, ou que adotem um modelo de negócios inovador, desenhado para criar um novo produto ou serviço. Entretanto, o conceito de startup, para fins de política pública, será construído ao longo do fórum.

Agenda do fórum

A etapa de interiorização do Fórum Técnico Startups em Minas será realizada nos seguintes municípios e datas:
06/10: Santa Rita do Sapucaí
25/10: Uberlândia 
27/10: Viçosa
04/11: Montes Claros 

Entre os dias 28 de setembro e 4 de novembro, estará disponível no Portal da Assembleia uma consulta pública, para que todas as pessoas interessadas possam opinar sobre o assunto.

A etapa final, para conclusão de todo esse processo, está marcada para os dias 23 a 25 de novembro, em Belo Horizonte.

*Com informações de ALMG

#empreendedorismo#inovação#startups#almg#regulatorioFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.