Notícias

< voltar
11/Nov/2016 - 17:35 - Atualizado em 10/Mai/2018 - 15:48

Pensar no produto focado no usuário traz melhores resultados às empresas

Palestra dos mineiros da DesignThinkers Group destacou a importância de entender as demandas dos clientes e buscar melhorar sua experiência


Por Renato Carvalho/SIMI
Eduardo Loureiro e Eduardo Rigotto, da DesignThinkers Group, valorizam a experiência do usuário
Crédito: UNA 360

Um dos grandes desafios das empresas tem sido gerar valor para seu cliente. Elaborar produtos e serviços com foco na experiência do consumidor é uma das alternativas para estreitar os laços e gerar empatia.

Os mineiros Eduardo Loureiro e Eduardo Rigotto, da DesignThinkers Group, fizeram palestras na Campus Party Minas Gerais e abriram a mente do público quanto à experiência de usuários com a qual as empresas devem se preocupar.

Segundo Loureiro, projetar o serviço ou produto com base nas necessidades do cliente traz um impacto muito claro para as empresas. “Entender a demanda do cliente faz você atendê-lo melhor e isso vai fazer a empresa vender mais, atingir metas de forma mais rápida e ter mais sucesso”, explicou.

Para fazer isso, ele deu duas dicas. Primeiramente é preciso envolver as pessoas da organização de forma colaborativa. “É preciso trabalhar de forma diferente para entregar um valor diferente.” Em segundo lugar, é preciso sair do escritório. “Vá até as pessoas, aplique técnicas de pesquisa para entender qual o perfil e comportamento dela. A partir disso você vai entender como se pode gerar valor nos momentos em que essa experiência cai”, disse Loureiro.

Por aqui no Brasil o Design Thinking ainda está engatinhando, apesar de já ter melhorado nos últimos anos. “Na Europa já é muito bem estabelecido. As empresas já entenderam que gerar valor para o cliente é uma estratégia muito boa. Quem não faz isso está ficando para trás”, finalizou.

#CPUAI#CPMG#DesignThinking#UXFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.