Notícias

< voltar
29/Mai/2018 - 00:00 - Atualizado em 28/Mai/2018 - 22:20

Programa oferece intercâmbio a jovens de baixa renda envolvidos com impacto social

Podem participar jovens com idades entre 18 e 30 anos, com inglês ou espanhol intermediário


Por Redação
Crédito: AISEC/PE

O NaAção Global, uma iniciativa do NAAÇÃO junto à AISEC, quer levar jovens de baixa renda que realizam projetos de impacto social para um intercâmbio inovador. O programa tem como objetivo transformar esses jovens em líderes, uma oportunidade de estar mais próximo da inovação em outro país, aprender com uma nova cultura e atuar em outro mercado de trabalho.

Podem se inscrever brasileiras (os), com idades entre 18 e 30 anos, que falem inglês e/ou espanhol intermediário, e estejam envolvidos com alguma iniciativa de impacto social, com disponibilidade para realizar o intercâmbio em agosto, outubro e novembro. Durante o programa, o jovem vai vivenciar a rotina de uma startup, entendendo a cultura empreendedora e os processos internos.

As inscrições vão até 15 de junho.O processo seletivo é composto também por vídeo, etapa presencial (dinâmica), entrevista final e financiamento coletivo (crowdfunding). Para acessar o edital, clique aqui. Mais informações no site oficial.

Estudantes terão de custear transporte, alimentação e acomodação durante intercâmbio

A AIESEC será responsável por arcar com seguintes custos: taxa inscrição AIESEC, passagem, visto e seguro-saúde. Em contrapartida, o jovem selecionado terá que arcar com transporte, acomodação e alimentação. Sendo assim, a instituição afirma que os participantes deverão se responsabilizar por estes custos ou abrir um financiamento coletivo (crowdfunding) na plataforma online de preferência.

O país de destino será definido pela AIESEC em conjunto com os selecionados, de acordo com as opções válidas informadas pela organização.

#startup#intercambio#AISEC#projetossociaisFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.