Notícias

< voltar
25/Jul/2018 - 13:55 - Atualizado em 25/Jul/2018 - 15:14

QuickFire Challenge, da Johnson & Johnson, está com inscrições abertas

Desafio busca soluções para doença inflamatória intestinal; inscrições vão até 4 de agosto


Por Paula Isis/SIMI Belo Horizonte/MG
Crédito: Pxhere

A doença inflamatória intestinal (DII), que inclui a doença de Crohn e a colite ulcerativa, é caracterizada pela inflamação crônica do trato digestivo. Os sintomas podem incluir dor abdominal intensa, diarreia, fadiga e perda de peso. Estima-se que, somente nos EUA, mais 1,6 milhão de pessoas tenham DII. O diagnóstico é desafiador e muitas vezes atrasado, o que permite que a doença avance, exigindo cirurgia. E se pudéssemos diagnosticar, tratar e prevenir melhor a DII usando a tecnologia moderna para avaliar o estado individual de saúde imunológica e gastrointestinal? Em busca de uma solução inovadora, o JLAB, incubadora de ciências da vida da Johnson & Johnson lançou mais um Quick Fire Challenge.

O objetivo desta edição do QuickFire Challenge é encontrar uma solução que avalia a saúde imunológica e gastrointestinal e, finalmente, prever o risco de DII, avaliando a resposta dos sistemas imunológico e gastrointestinal a desafios com estressores.

Se você tem uma ideia de um produto, tecnologia ou metodologia, a Janssen Research & Development está concedendo até US$ 50 mil, para investir no seu negócio, além de orientação para transformar essa ideia em realidade, proporcionando benefícios para a sociedade.


As soluções devem atender os seguintes critérios:

- Potencial para impactar os resultados de saúde em uma área estratégica de interesse

- Exclusividade de solução e nível de concorrência no mercado atual

- Qualidade e viabilidade de tecnologia

- Credibilidade e capacidades da equipe

- Clareza do plano: marcos e decisões definidas de ir/não ir

Para saber mais sobre a incubadora JLAB, clique aqui.

#JLABS#quickfirechallenge#saúdeinstestinal#doençainflamatóriaintestinalFavoritar

Fonte: Johnson & Johnson

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.