Notícias

< voltar
13/Dez/2017 - 07:00 - Atualizado em 12/Dez/2017 - 19:07

Startup mineira reduz entulhos e desperdício de água na construção civil

Tecnologia da Day House elimina até 40% de ruído externo e isola a umidade, além de reduzir o tempo de produção de casas


Por Redação
CEO Dayana Almeida lança fábrica itinerante para eliminar o custo do frete e agilizar o tempo de execução das casas
Crédito: Divulgação

A construção civil brasileira produz mais de 122 mil toneladas de resíduos por dia e é responsável por 61% de todo o lixo gerado nas cidades brasileiras, segundo dados da Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (ABRELPE).

Desse montante, 70% dos resíduos produzidos pela indústria de construção vêm das pequenas obras, realizadas de maneira informal e sem orientação técnica. Diante desse cenário, a startup mineira Day House, com fábrica instalada em Arcos, constrói casas pré-montadas e desenvolveu a tecnologia dos Blocos Day, cujo assentamento é produzido com argamassa industrializada, eliminando o resíduo da indústria civil.

A tecnologia elimina até 40% de ruído externo e isola a umidade, conservando a temperatura e gerando economia de energia elétrica ao evitar o uso de aquecedores e ares-condicionados. Além disso, os blocos também são anti-chamas.

Alguns dos diferenciais do produto são a leveza e o tamanho. Cada bloco tem 100cm x 40cm e espessura entre 10cm,15cm e 20cm. A peça equivale a nove tijolos comuns, o que ajuda a reduzir o tempo de construção. Com a nova tecnologia, a cada metro quadrado construído passa de 51 para 9 minutos a execução.

A empresa é a primeira da América Latina a implantar o conceito de fábrica itinerante para a construção de casas populares. A equipe se desloca com o equipamento até o local da obra, para que os blocos e toda a casa sejam feitos manualmente na construção. A meta é entregar a casa em um prazo de 90 dias, sem gerar resíduo, entulhos, além de promover uma economia de 70% no consumo de água na obra.

#sustentabilidade#startup#negócios#construçãoFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.