Notícias

< voltar
05/Out/2018 - 16:20 - Atualizado em 08/Out/2018 - 10:15

TV SIMI: conheça as estratégias de marketing digital do Real Madrid e Orlando City

Representantes das equipes de futebol participaram do Fire Festival, em Belo Horizonte


Por Pedro Matos e Renato Carvalho/SIMI Belo Horizonte/MG
Real Madrid venceu 4 das últimas 5 edições da Champions League, principal competição de clubes da Europa
Crédito: Antonio Villalba/Real Madrid

Um dos clubes de futebol mais poderosos do mundo, o Real Madrid construiu uma trajetória de muitas vitórias e tem em seu histórico alguns dos principais jogadores de todos os tempos, despertando o encanto e o interesse de milhões de amantes do esporte pelo planeta. Toda essa admiração gera uma enorme quantidade de fãs que utilizam o ambiente digital para se aproximar e se conectar com a equipe.

Não é à toa que o clube espanhol conta com cerca de 110 milhões de curtidas em sua página oficial no Facebook, quase 4 milhões de inscritos no Youtube, 63,8 milhões de seguidores no Instagram e 30 milhões no Twitter. E administrar o relacionamento com essa imensa quantidade de pessoas é o trabalho da equipe liderada por Rafael de los Santos, diretor da área digital do Real Madrid.

Durante a quarta edição do Fire Festival, realizada entre 27 e 29 de setembro em BH, Rafael esteve presente e falou um pouco sobre o trabalho de marketing digital realizado pelo clube merengue. Para se ter uma ideia do desafio, 97% dos seguidores do Real Madrid no ambiente digital estão fora da Espanha, o que exige um conhecimento profundo das peculiaridades dos torcedores de cada região do planeta. “O torcedor que mora no Brasil vai se conectar melhor com o Marcelo e com o Casemiro, do que com os demais jogadores”, comenta Rafael.

A lógica parece simples: o Real Madrid gera conteúdo pelos diversos canais; os dados são profundamente analisados; e, a partir do resultado de cada análise, a equipe define diretrizes para os próximos conteúdos. Tudo isso é feito com o objetivo de aumentar cada vez mais o alcance e o engajamento de torcedores, alinhando diretamente com o planejamento estratégico do clube espanhol. “O Real Madrid é um clube de futebol que tem como objetivo ganhar jogos e campeonatos. Para isso, precisa de bons jogadores, o que demanda dinheiro e investimento. Para ter dinheiro e investimento, o clube precisa de torcedores engajados”, explica Rafael, enquanto apresenta uma série de informações que são levantadas dos torcedores merengues para melhorar essa conexão.

Analisar esses dados e transformá-los em insights é um trabalho extremamente valorizado pela equipe de marketing do Real Madrid. Recentemente, foram contratados dois matemáticos exclusivamente para a execução desta tarefa. “A comunicação que você faz tem que ser pormenorizada. Uma coisa é o torcedor receber um e-mail com ‘compre uma camisa’ e outra coisa é ele receber ‘compre a camisa 2 do Gareth Bale’, porque já sabemos que ele tem a camisa 1 e é fã desse jogador”.

Major League Soccer

Outro importante case que mostra como a gestão estratégica é fundamental para o crescimento de um clube de futebol e para uma liga esportiva está nos Estados Unidos. O Orlando City Soccer Club, que tem como um de seus donos um empresário brasileiro, foi fundado em 2010 e tem conseguido cada vez mais destaque no mundo do futebol, assim como a liga americana de Futebol.

Brasileira Marta, eleita pela sexta vez a melhor jogadora do mundo, é uma das expoentes do Orlando City
Crédito: Orlando City/Divulgação

A TV SIMI conversou, com exclusividade, com o brasileiro Diogo Kotscho, vice-presidente de comunicação do Orlando City. Na entrevista, Diogo comenta sobre o trabalho e as expectativas da equipe para os próximos anos e a importância de jogadores de destaque do cenário mundial, como os brasileiros Kaká e Marta, jogarem pela equipe americana.

Confira abaixo a entrevista completa e aproveite para se INSCREVER em nosso canal:

#marketing#Futebol#RealMadrid#OrlandoCity#PlanejamentoFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.