Notícias

< voltar
01/Nov/2018 - 08:00 - Atualizado em 31/Out/2018 - 12:02

Três professores mineiros recebem premiação na área de educação empreendedora

Sebrae vai promover missão nacional de experiência de empreendedorismo nas escolas aos premiados


Por Redação Belo Horizonte/MG
Seis professores foram premiados na categoria Educação Empreendedora
Crédito: Prêmio Professores do Brasil/Divulgação

O Prêmio Professores do Brasil, criado pelo Ministério da Educação (MEC) em 2005, vai homenagear, pela primeira vez, seis educadores que se destacaram pelo incentivo a práticas de empreendedorismo em suas escolas. Entre os escolhidos, três são de Minas Gerais e os demais da Bahia, Mato Grosso do Sul e Piauí.

Os homenageados disputaram com mais de 400 professores na primeira fase e se tornaram vencedores da categoria Educação Empreendedora, instituída pelo MEC por sugestão do Sebrae. Os vencedores nacionais serão premiados no dia 29 de novembro, no Rio de Janeiro.

Os projetos vencedores são dos professores Sande Plyana Silva Almeida, de Montes Claros (MG); Cristiane Juvêncio da Silva, de Varginha (MG); Sérgio José Batista Gomes, de Pará de Minas (MG); Elionaldo Bringel de Lima, de Juazeiro (BA); Maria Ester Centurião Garcia, de Campo Grande, e Gonçalo Lopes da Silva Neto, de Piracuruca (PI). Todos eles receberão do Sebrae a possibilidade de fazer cursos de reciclagem em nível nacional.

Conheça os projetos mineiros

Educação empreendedora sonhos e práticas – Teve o objetivo de capacitar, estimular e incentivar os alunos da Escola Estadual Américo Martins, de Montes Claros (MG) sobre empreendedorismo, criando um ambiente favorável à busca de sonhos e propósitos.

Ong escola em ação – O projeto foi criado para desenvolver junto aos alunos a consciência de solidariedade, o trabalho em equipe e a ajuda mútua. O trabalho foi desenvolvido com alunos da Escola Municipal Cláudio Figueiredo Nogueira, localizada na zona rural de Varginha (MG).

Alumen - Uma proposta escolar de intervenção socioambiental – Para combater a dengue, alunos da Escola Municipal Professora Izaltina Mendonça Meireles fizeram um mutirão para recolher latinhas de alumínio, evitando a formação de criadouros do mosquito Aedes Aegypti.

#empreendedorismo#educação#negóciosFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.