Notícias

< voltar
07/Mar/2019 - 10:00 - Atualizado em 07/Mar/2019 - 10:05

Unesco abre chamada para financiamento de projetos de diversidade cultural

Fundo Internacional para a Diversidade Cultural vai dar até US$ 100 mil para fomentar setores culturais dinâmicos em países em desenvolvimento


Por Redação Belo Horizonte/MG
Inscrições podem ser feitas até 13 de junho
Crédito: Dean Hochman

O Fundo Internacional para a Diversidade Cultural (IFCD), que tem como finalidade promover o desenvolvimento sustentável e reduzir a pobreza em países em desenvolvimento, está aceitando inscrições para financiamento de projetos.

O IFCD investe em projetos que proporcionam mudanças estruturais por meio de dois pilares:

  • A introdução e/ou elaboração de políticas e estratégias que afetem diretamente a criação, produção, distribuição e acesso a uma diversidade de expressões culturais, incluindo bens, serviços e atividades culturais
  • O reforço das capacidades humanas e institucionais do setor público e das organizações da sociedade civil, consideradas necessárias para apoiar indústrias e mercados culturais locais e regionais viáveis nos países em desenvolvimento

Podem participar autoridades públicas e instituições de países elegíveis - o Brasil é um deles -, organizações não-governamentais (ONGs) e organizações não-governamentais internacionais, registradas em países parte da Convenção de 2005.

Os projetos aprovados para financiamento receberão até US$ 100 mil. Desse valor, 50% será pago no início do projeto, outros 30% no meio do projeto e os restantes 20% assim que todas as atividades tenham sido concluídas e os relatórios finais apresentados.

As inscrições podem ser feitas até o dia 13 de junho por este link.

Histórico

Desde 2010, o IFCD já financiou mais de US$ 7 milhões para 105 projetos em mais de 50 países em desenvolvimento, cobrindo uma ampla gama de áreas, desde o desenvolvimento e implementação de políticas culturais, a capacitação de empreendedores culturais, mapeamento de indústrias culturais e a criação de novos modelos de negócios da indústria cultural.

#cultura#financiamento#projetosFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.