Notícias

< voltar
13/Jun/2017 - 13:40 - Atualizado em 13/Jun/2017 - 13:41

Aceleradora do Vaticano vai investir US$ 100 mil em até 8 startups

Foco são soluções para problemas criados pelas mudanças climáticas; inscrições podem ser feitas até 17 de junho


Por Redação Belo Horizonte

Engana-se quem pensa que apenas grandes empresas estão de olho em startups. O Vaticano criou uma aceleradora e tem planos de investir US$ 100 mil em até oito empresas que desenvolvam soluções inovadoras para problemas gerados por mudanças climáticas.

A Laudato Si Startup Challenge tem o apoio do Papa Francisco e é liderada por dois investidores de venture capital. O Vaticano terá direito a uma participação acionária entre 6% e 8% do negócio da startup investida.

Durante quatro meses, as startups vão receber mentoria de profissionais especializados. Mais adiante, os empreendedores viajam para Roma para dois meses de trabalho intenso na startup e participação do DemoDay.

O dinheiro investido nas startups virá de um fundo privado de investidores, no entanto, tudo será feito com supervisão de membros do Vaticano.

As startups interessadas devem escolher entre sete desafios das mudanças climáticas:

  • Energia
  • Água
  • Comida
  • Cidades populosas
  • Potencial humano
  • Conservação
  • Finanças

As inscrições podem ser feitas até 17 de junho. O programa será realizado entre 13 de julho e 9 de setembro. Inscreva-se aqui.

#startups#aceleração#investimento#VaticanoFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.