Notícias

< voltar
07/Mai/2018 - 11:21 - Atualizado em 07/Mai/2018 - 12:43

Alunos da Escola do Sebrae se aproximam da inovação

Agita Experience promoveu experiências diversas para jovens do ensino médio


Por Renato Carvalho/SIMI
Os participantes trabalharam temas relacionados à inovação e ao empreendedorismo
Crédito: Renato Carvalho/SIMI

Entre quinta-feira e sábado passados, centenas de estudantes, de diversas escolas e cidades mineiras, participaram do Agita Experience. O evento, realizado pela Escola do Sebrae pela primeira vez, teve como proposta aproximar os jovens de temas relacionados à inovação e ao empreendedorismo.

Os estudantes do ensino médio puderam acompanhar palestras e participar de atividades em diversas arenas montadas no evento. Na Arena Maker, os jovens colocaram a mão na massa para desenvolver pequenos projetos. Na Arena Games, os adolescentes tiveram contato com o ecossistema mineiro de desenvolvedores de jogos. Na Arena Future, além de palestras, os estudantes desenvolveram projetos de startups e interagiram diretamente com os temas propostos.

Já na Arena Nova Economia, o público acompanhou temas ‘novos’, como Edtechs, Fintechs, Agrotechs, economia compartilhada, entre outros. Em outro espaço, seis startups do Raja Valley estavam sendo expostas.

“O Agita Experience foi realizado para sensibilizar esses jovens para o nosso programa de pré-aceleração, o Agita. Queremos que os jovens sejam protagonistas da sua própria história, da própria carreira”, explicou a analista de Inovação, Liann Rodrigues.

No terceiro e último dia de evento, os alunos puderam participar do Desafio Allugator, que levava problemas reais da empresa para os jovens trabalharem soluções.

Networking em ação

O trio João Antônio, de 15 anos, Henry Froid, de 14, e Victor, de 19, se conheceram no evento e já começaram a desenvolver uma ideia de startup. “Seria um aplicativo de compra de supermercado, talvez como um iFood. A gente tinha a ideia, mas nos conhecemos aqui e acabamos desenvolvendo. Está sendo uma grande oportunidade”, explicaram os jovens, que são de Belo Horizonte e Teófilo Otoni.

Trio se conheceu no evento e colocou a mão na massa para desenvolver uma startup
Crédito: Renato Carvalh/SIMI

Aprendendo com falhas

Na área de games, o designer João Victor Rodrigues apresentou a história da Umbu Games, desenvolvedora independente de jogos. “Apresentei a nossa história, um pouco do que a gente fez, e principalmente no que erramos. É um estudo de falhas”, explicou. Para ele, falar para jovens sobre inovação é importante. “Comecei a ter noções de empreendedorismo na pós-graduação. Esse pessoal começando no ensino médio vai conseguir muita coisa ainda”, avaliou João.

João Victor Rodrigues apresentou o case da Umbu Games
Crédito: Renato Carvalho/SIMI

Inovação social

Mestrando na UFMG, João Gabriel Rosa apresentou o projeto em que atua desenvolvendo um aparelho auditivo acessível a pessoas carentes. “A inovação aberta que a gente trabalha tem um peso muito maior quando a gente fala em inovação social. A ideia da palestra é para que as pessoas tirem suas ideias do papel, mas também convidá-las a participar da nossa rede de colaboradores”, disse.

João Gabriel Rosa participa do desenvolvimento de um aparelho auditivo acessível; projeto é uma parceria entre a UFMG e a Universidade de Southampton
Crédito: Renato Carvalho/SIMI

Intraempreendedorismo

A gerente de operações na BS Pharma e integrante do O Zepelim, Alice Assunção participou do Agita Experience para incentivar os jovens a empreender mesmo sem ter uma empresa. “Eu nunca tive vontade de ter o meu negócio, mas não queria ser aquele funcionário que bate cartão e vai embora para casa. Queria fazer diferença, ter propósito. O intraempreendedorismo é a forma de fazer a diferença na empresa”, contou.

Agita 2018

O programa de pré-aceleração de startups da Escola do Sebrae é realizado no segundo semestre de cada ano. Na edição 2018, até o momento cinco cidades mineiras vão rodar o programa simultâneamente - e outras mais estão interessadas. Por enquanto, Belo Horizonte, Uberaba, Itabira, Juiz de Fora e Teófilo Otoni vão receber o programa.

Para saber mais sobre isso, acesse http://agita.escoladosebrae.com.br/.

#empreendedorismo#educação#inovação#Sebrae#AgitaFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.