Notícias

< voltar
20/Jun/2017 - 15:10 - Atualizado em 21/Jun/2017 - 18:14

Começa a 4ª rodada do Seed com startups de várias partes do Brasil e do mundo

Durante seis meses, 101 empreendedores de 10 nacionalidades participam do maior programa público de aceleração de startups do Brasil


Por Alysson Lisboa e Renato Carvalho Belo Horizonte
Empreendedores foram apresentados durante a abertura do Seed
Crédito: Fábio Veloso/SIMI

A família Seed não para de crescer. Chegaram hoje ao Espaço 104 - na Região Central de Belo Horizonte, 40 novos integrantes. São 24 empresas mineiras, sete estrangeiras e nove de outros estados do país. Os contemplados desfrutarão de espaço de coworking, mentorias e contato com empresas e investidores.  

O Seed é um dos projetos do Programa Minas Digital, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SEDECTES) e financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG).

Tapete vermelho e um clima de festa durante toda a manhã para receber os participantes. Eles puderam conhecer as instalações do Seed e já começar os trabalhos. O secretário Miguel Corrêa deu as boas-vindas aos empreendedores. "BH é a capital dos negócios empreendedores e estamos construindo um ambiente acolhedor para que vocês permaneçam aqui", completou o secretário para uma plateia que lotou o Espaço 104.

Omar Ruelas, da startup peruana Drop, não escondia a empolgação em conhecer Belo Horizonte. Pela primeira vez no Brasil ele é um dos empreendedores que vai participar do programa. A startup trabalha, por meio de dispositivo médico, a hiperidrose nas mãos. Ele chegou até o programa depois de ouvir falar bem do ecossistema de inovação do Estado.

De Belo Horizonte, Bruna Kassab, da startup Evoé - uma plataforma de financiamento coletivo mesclada com leis de incentivos -  vê com bons olhos dividir o espaço de coworking do Seed com outros empreendedores brasileiros e estrangeiros. “Nossa ideia é migrar pro Seed, praticamente morar seis meses aqui para trocar experiências e conhecer o pessoa”, contou.

A capital mineira, aliás, foi um dos aspectos determinantes para o interesse da Kwema, startup de segurança pessoal para mulheres. Segundo o COO Ali Al-Jabry, BH é perfeita para sediar e fazer empresas se desenvolverem. “É uma ótima cidade, com muita exposição. O custo de vida é acessível e a qualidade de vida é boa, o que é importante para se tornar escalável”, explicou.

Objetivo do programa

Transformar Minas Gerais no maior polo de empreendedorismo e inovação da América Latina é um dos objetivos do Seed. Para isso o programa busca apoiar empreendedores, nacionais e estrangeiros, que desenvolvam empreendimentos de base tecnológica.

Durante seis meses, as 40 startups vão receber capital semente livre de participação de até R$ 80 mil. Os integrantes serão beneficiados com mentorias personalizadas, formação empreendedora, escritório compartilhado e conexão com o ecossistema global. Além disso, com mais de 50 empresas parceiras, entre elas grandes nomes como Microsoft, Amazon, IBM e Google, o programa oferece US$ 1 milhão de benefícios não financeiros, conhecidos como perks - softwares, hospedagens e outras vantagens.

O secretário Miguel Corrêa destacou a vocação de Minas Gerais e o trabalho que vem sendo realizado no sentido de levar às escolas da rede pública o espírito empreendedor.  "Vocês serão convidados a ir às escolas e ajudar a disseminar o que estão aprendendo no Seed." O  secretário reforçou ainda que empreendedorismo e inovação são áreas estratégicas dentro da secretaria. 

Em contrapartida, os empreendedores promovem workshops, cursos e oficinas para espalhar conhecimentos, trocar experiências e estreitar laços, divulgando o programa e disseminando a cultura empreendedora aos mineiros. Somados os números das três primeiras edições, cerca de 40 mil pessoas já foram impactadas pela iniciativa.

Os números impressionantes do Seed

A 4ª rodada do Seed recebeu a inscrição de 1.153 startups de 15 países, totalizando mais de 2.750 empreendedores de 27 nacionalidades diferentes. Entre os inscritos, países como Angola, Estados Unidos, Rússia, Equador, Nigéria, Irã, Nepal, Austrália, Canadá e Paquistão. Em âmbito nacional, o programa recebeu inscrições de todas as regiões do Brasil.

Além de brasileiros de diferentes regiões do país, a 4ª rodada contará com a participação de empreendedores da Índia, Peru, Alemanha, Chile, Bolívia, Quênia, México, Holanda e Portugal.

Para ficar por dentro de tudo que acontece no Seed, acesse o nosso portal ou o site: seed.mg.gov.br

Confira as 40 startups selecionadas para a 4ª Edição do SEED - Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development

Acerto
Alugalogo
bkper
Bunee.io
Contraktor Tecnologia em Contratos
cuboz.com
DataScope Chilean
DROP Peruvian
Dropo
EduSim
Empreendimentos Digitais Ltda
Evoé
Expediente Azul
Gamelyst
Geraes Tecnologia Assistiva
Health Link International LLC
Horta Mágica ® - Monte, plante e colha.
Imaginie Tecnologia Educacional LTDA
Intexfy
Inturma
Kwema
LinCare
Lince
LOAD CONTROL
Loyagram
MelhorPlano
Monetus
MYPS - My Personal Stylist
NETResiduos
personal2travel
Pro-Treino
Prosas
RecrutaSimples
Rectrix
Safetest Comércio de diagnóstico Ltda
Saipos
Seja Direto
Sii Technology
TrackSchool
Ecolivery

Quer conhecer um pouquinho mais de algumas startups, confira a matéria da TV SIMI:


#startups#aceleração#MinasDigitalFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.