Notícias

< voltar
09/Ago/2016 - 19:45 - Atualizado em 23/Abr/2018 - 15:23

Minas Gerais domina o pódio de competição internacional de startups

Empresas mineiras, aceleradas pelo Seed, vencem mais de 40 negócios que disputaram o Startup Games, no Rio de Janeiro


Por Paula Isis / Simi

Assim como atletas do mundo inteiro desembarcaram no Rio, na última semana, para participar dos Jogos Olímpicos 2016, empreendedores de vários países, como Chile, Grã-Bretanha, Estados Unidos, Venezuela e Brasil, vieram participar da Olimpíada de Startups, o Startup Games.

Concentrados em buscar investidores para os seus negócios e traçar a melhor estratégia para investir 1 milhão de libras fictícias, os participantes se reuniram, durante os dias 8 e 9 de agosto, na residência oficial do Reino Unido durante a Rio 2016, onde puderam assistir palestras e fazer networking com investidores e aceleradoras renomadas de vários países.

As duas mineiras, BeerOrCoffee e Risü, revezavam o topo do ranking entre as que receberam mais investimentos. Até o fim da manhã, ainda era impossível saber quem conquistaria a medalha de ouro olímpica do empreendedorismo. Mas, após o almoço, o resultado parcial mostrou que quem assumia o topo do pódio era a empresa liderada pelos irmãos Roberta e Pedro Vaconcellos, a BeerOrCoffee.

Após algumas horas de incertezas e mais mentorias, o suspense chegou ao fim. Nas mãos de Andrew Humphries, criador do game, estavam os nomes dos campeões que disputavam em duas categorias: melhores investidores e startups que mais receberam investimentos.

A Risü e a Authorship.me, startups aceleradas pelo Seed, conquistaram, respectivamente, as medalhes de bronze e prata como melhores investidores. O primeiro lugar da categoria ficou com a Preço Certo, do Rio de Janeiro. Francis Andrade, CEO da Risu, comentou que o segredo para ficar entre os primeiros colocados foi investir logo no começo, além da experiência da equipe com o mercado financeiro.

Em seguida, foi a vez de conhecer quais startups receberiam o prêmio da noite, as que receberam mais investimentos. O primeiro lugar ficou mesmo com a família Vasconcellos. A BeerOrCoffee conquistou o topo do pódio ao receber 412 milhões de libras fictícias.

“Muito mais que o prêmio, é o aprendizado que adquirimos aqui. A gente se desenvolveu, encontramos oportunidades de negócios. Então, isso é melhor que qualquer prêmio”, disse Pedro, co-fundador da startup.

O segundo e terceiro lugar ficaram, respectivamente, com a Virturian e a Lett Insights, ambas da 3ª rodada do maior programa público de aceleração de ideias do Brasil, o Seed.

Confira cobertura realizada pela TV Simi:

Minas Gerais é representado por 22 startups

O destaque mineiro obtido na competição não é por acaso. O estado vem se destacando como polo de empreendedorismo nacional e internacional, além de ser uma potência em ciência e tecnologia. Minas é o segundo maior ecossistema de startups do Brasil, com cerca de 400 empresas; abriga o San Pedro Valley, comunidade de empreendedorismo que é referência para negócios de base tecnológica no país; conta com mais de 20 incubadoras distribuídas em 16 cidades e é o maior estado em número de universidades públicas do Brasil (11 federais e 2 estaduais).

De acordo com o cônsul britânico Thomas Nemes, Minas Gerais é um estado de muita importância estratégica para eles. “Abrimos nosso Consulado Geral aqui (Belo Horizonte) em setembro de 2015 e nossa equipe está se concentrando em oportunidades de comércio e investimentos em Minas. Vejo uma economia relativamente diversificada com setores mais tradicionais, como mineração e o agronegócio, e essas novas economias que vão agregar mais valores amanhã, na área de startup e tecnologia da informação”, assinalou.

Confira a lista completa com os vencedores da noite:

- Startup com maior impacto social: Malalai (MG)
- Startup mais atrativa para investimentos: Solides (MG)
- Startup com o maior preparo para internacionalizar: Start Investimentos (MG)
- Startup mais criativa: Trakto (Maceió)
- Startup que mais cresceu durante o jogo: Dark It (MG)
- Startup mais determinada: Allgoo (SP)

Prêmio de melhores investidores:

1º lugar: Preço Certo (RJ)
2º lugar: Authorship.me (MG)
3º lugar: Risü (MG)

Prêmio startup com mais investimentos recebidos:

1º lugar: BeerOrCoffee (MG)
2º lugar: Virturian (MG)
3º lugar: Lett Insights (MG)

Com colaboração de Matheus Fonseca e Daniele Cardoso.

Leia também:
• Fundador da The Bakery London inspira delegação mineira que participará do Startup Games
• Empreendedores britânicos trocam experiências com participantes do Startup Games 2016
• Vencedor da primeira edição do Startup Games dá dicas para os novos empreendedores

 Favoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.