Notícias

< voltar
21/Ago/2017 - 09:56 - Atualizado em 21/Ago/2017 - 11:15

Coca-Cola paga R$ 3 milhões para quem descobrir um novo açúcar

Eles estão à procura de um composto de origem natural, seguro, com baixa ou sem calorias


Por Franco Serrano/SIMI Belo Horizonte

Não é de hoje que o açúcar é um grande vilão para adoradores de doces de todo o mundo. Apesar de gostoso e presente desde o cafezinho até o pavê servido no Natal, o produto gera polêmica entre os cientistas e a comunidade médica em embate com essa forte indústria.

Entre os malefícios atribuídos ao açúcar, estão efeitos nocivos sobre o metabolismo, ganho excessivo de peso e maior susceptibilidade a doenças do coração e diabetes, entre outras complicações de saúde.

A ideia de US$ 1 milhão

Recentemente, a Coca-Cola, gigante do mercado de bebidas, lançou um desafio para cientistas e pesquisadores da área para tentar encontrar algo que substitua o açúcar em seus produtos. Conforme divulgado por meio de nota oficial, eles estão à procura de um composto de origem natural, seguro, com baixa ou sem calorias e que tenha o gosto de açúcar quando usado em bebidas e alimentos.

O concurso é chamado “The Coca-Cola Company Sweetener Challenge” e tem no edital algumas restrições sobre a composição da solução, pois a molécula não pode ser à base de estévia ou fruta-dos-monges e nem extraída de alguma espécie de planta protegida. O prêmio: US$ 1 milhão.

Está lançado o desafio. E uma coisa nós sabemos: nossa saúde só ganha com esta iniciativa.

#pesquisa#ciência#saúde#edital#desafio#cocacolaFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.