Notícias

< voltar
09/Abr/2018 - 17:30 - Atualizado em 10/Abr/2018 - 12:22

Rock Content e Unicórnio são as campeãs da Startup CUP

Primeira competição entre startups do Brasil teve como objetivo promover o esporte no ambiente de inovação


Por Pedro Matos/SIMI Belo Horizonte
Unicórnio Futebol Clube ganhou a edição feminina do torneio

O final de semana foi de muita comemoração no mundo do futebol com as decisões dos campeonatos estaduais pelo país. Mas em Belo Horizonte outra finalíssima também despertou a atenção dos amantes de futebol do ecossistema de startup da região: a primeira edição da Startup Cup chegou ao fim. As partidas decisivas foram realizadas no sábado, dia 7 de abril, no Centro de Futebol Zico BH.

No masculino, Rock Content e Semear jogaram a final diante de dezenas de amigos, parentes e colegas de trabalho que acompanhavam a partida nas arquibancadas. Com o placar apertado de 3 a 2, construído ainda no primeiro tempo, a Rock se tornou a primeira campeã da Startup Cup.

Jade Miranda, gerente de vendas da Rock Content, foi figura carimbada nas rodadas da Startup Cup. Isso porque a especialista em marketing atuou como jogadora e ainda foi a treinadora da equipe masculina campeã do torneio. “O que achei mais interessante foi a oportunidade de conhecer várias startups”, destaca.

Entre as mulheres, a decisão foi ainda mais emocionante. Após o empate de 3 a 3 no tempo normal, Unicórnio e Lobas definiram no shoot out (uma espécie de decisão de pênaltis do Fut7) a campeã do torneio. E com o placar de 3 a 2, as meninas do Unicórnio conquistaram o troféu.

Vale destacar que na fase de grupos as equipes se enfrentaram e as Lobas venceram pelo incrível placar de 10 a 3. Mas mesmo com a derrota, as jogadoras do Unicórnio conseguiram evoluir significamente a cada rodada, conquistando inclusive a maior vitória da competição ao ganhar de 17 a 0 da equipe da AppProva. “Nosso time mereceu muito ganhar esse campeonato. A gente começou perdendo no primeiro jogo e fomos criando corpo e correndo atrás durante o torneio. Eu me sinto muito feliz por ter contribuído com isso", comemora a jogadora Thaís Barbosa, que anotou 16 gols no campeonato.

Mais do que promover a prática esportiva no ambiente de inovação, a Startup Cup acabou sendo um importante momento de networking. “A gente teve uma adesão bem acima do esperado. A ideia inicial era incentivar o esporte, mas acabou sendo inclusive uma oportunidade de negócios entre as startups. Várias pessoas falaram comigo que o ambiente de trabalho também melhorou com a competição”, conta o diretor geral da competição e CEO da SporTI, Cristian Gomes.

A Startup Cup foi organizada pela SporTI em parceria com diversas instituições e agentes do ecossistema de inovação de Belo Horizonte e teve como objetivo incentivar a prática de esportes, o bem-estar e a integração entre as pessoas que convivem no segmento. A segunda edição da competição acontecerá em setembro. As inscrições já estarão disponíveis no site da FMF7 a partir da próxima quinta-feira.

Time masculino da Rock Content
Crédito: Facebook/StartupCup

Os vídeos com os melhores momentos das decisões serão disponibilizados no canal da Gravol Sports no youtube.

#inovação#startup#esporte#startupcupFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.