Notícias

< voltar
20/Fev/2018 - 07:00 - Atualizado em 20/Fev/2018 - 11:01

Startup do FIEMG Lab é selecionada para conferência nos EUA

Brazil Conference at Harvard & MIT 2018 é organizada por estudantes da comunidade brasileira das universidades que dão nome ao evento


Por Redação
Crédito: Divulgação

A startup Licentia, que faz parte da comunidade do FIEMG Lab, foi uma das cinco empresas selecionadas para participar do Brazil Conference at Harvard & MIT 2018, realizado em Boston, nos EUA. O evento é organizado por estudantes da comunidade brasileira das universidades que dão nome ao evento.

A conferência tem como objetivo promover debates entre líderes nacionais e internacionais sobre temas relacionados ao Brasil. Para esta edição já estão confirmados Luís Roberto Barroso (ministro do STF), Ilan Goldfajn (presidente do Banco Central), Drauzio Varella (médico), Priscila Cruz (presidento do Movimento Todos pela Educação), Gustavo Franco (economista), Lars Grael (velejador), entre outras importantes personalidades.

Durante o congresso, realizado em abril, projetos brasileiros serão apresentados na competição HackBrazil, previamente selecionados entre mais de 500 inscritos. Desses, 35 passaram por uma fase de aceleração de onde saíram cinco finalistas.

As equipes terão todas as despesas pagas e a oportunidade de apresentar para uma banca avaliadora suas soluções para grandes desafios do Brasil. O vencedor será premiado com R$ 50 mil.

Para o fundador da Licentia, Leonardo Santiago, participar do evento é importante pela efetivação de um MVP na plataforma, conquistado durante as mentorias, e pela relevância nacional e internacional do congresso. Ainda segundo o empreendedor, participar do FIEMG Lab foi importante para que a equipe conquistasse uma vaga na final.

Sobre a startup

Com um software que dá acesso a Estudos de Impacto Ambiental (EIAs) e outras informações públicas, a Licentia oferece para o mercado uma tecnologia que permite o aproveitamento dos dados já disponibilizados para uso estratégico de quem acessa a plataforma. Tal recurso ajuda no planejamento de projetos, em análises georreferenciadas e na liberação de licenciamentos ambientais.

#empreendedorismo#inovação#startups#negócios#aceleraçãoFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.